Retrocesso: Lei Municipal obriga leitura da bíblia em escolas públicas


A Prefeitura Municipal de Araguaína, no Tocantins, acaba de aprovar obrigatoreidade de leitura bíblica nas escolas municipais.

Foi aprovado no último dia 07 de novembro, na Câmara Municipal de Araguaína-TO, o projeto de Lei n° 048/2011, de autoria do vereador Mané Mudança (DEM), que dispõe sobre a obrigatoriedade da leitura de versículos bíblicos na abertura do dia letivo. Após a sansão do prefeito Valuar do Democratas, torna-se obrigatório a todos os professores do Município ler para a turma um trecho da Bíblia antes do início da aula.
O Brasil desde o advento da República, com a edição do Decreto119-A, de 17 de janeiro de 1890, entende como separados a Igreja e o Estado, ou seja, tornou-se desde então laico. Isto significa que ele se mantém indiferente às diversas igrejas que podem livremente constituir-se.
Será que uma lei que fere a laicidade do Estado brasileiro pode ser aplicada?
Qual bíblia será lida para essas crianças? E os ateus como ficam nesta história? 
E as outras religiões como o espiritismo, o candomblé, o budismo e tantas outras, como ficam com uma imposição desta?

Postagens mais visitadas deste blog

Lista de pessoas selecionadas atualizadas

No dia do Rock veja a lista dos roqueiros que assumiram sua HOMOSsexualidade

Edital de Seleção de Participante I Seminário Nacional de Jovens Lideranças para o Controle Social do SUS no âmbito do HIV/Aids