Justiça autoriza casal gay a adotar menino de quatro anos no RS


Casal vive união estável há oito anos na cidade de Pelotas
O Juizado da Infância e Juventude da Comarca de Pelotas (RS) permitiu que um casal homossexual adote um menino. A decisão da juíza Nilda Stanieski foi tomada quinta-feira (2). As informações são do Correio do Povo. 
Em sua decisão, a magistrada salientou que a orientação sexual dos adotantes “não deve ser vista como empecilho". O menino foi entregue ao casal há dois anos pela mãe, para que tomassem conta. 
O Conselho Tutelar autorizou a permanência da criança com os dois homens. Na época, a mãe relatou que não possuía condições de cuidar do filho e assinou um termo de entrega do menino. 
Em fevereiro, a Promotoria da Infância e Juventude de Pelotas pediu a guarda provisória para que a criança pudesse se tornar oficialmente filha do casal. A Justiça acolheu o pedido da Promotoria. 
De acordo com o promotor, o casal vive em união estável há oito anos e o menino “está saudável e feliz, frequenta a escola, tem plano de saúde, está entrosado com a família do casal, convive com meninos e meninas e tem uma orientação psicológica completamente normal”.
fonte:gay1

Postagens mais visitadas deste blog

No dia do Rock veja a lista dos roqueiros que assumiram sua HOMOSsexualidade

Lista de pessoas selecionadas atualizadas

Sauna Soho inova na programação e conquista mais frequentadores