Rapaz processou o chefe por ser chamado de “viadinho"



Um trabalhador carioca entrou na Justiça contra o seu gerente direto e conseguiu uma indenização de 50 mil reais.
Segundo o funcionário, o chefe só se dirigia a ele como “viadinho”. O rapaz disse que os xingamentos e ameaças de demissão ocorriam diariamente.
De acordo com uma testemunha, o tratamento era o mesmo quando o gerente se referia ao rapaz. Frases como “chama o viadinho pra mim” ou “vai embora com o viadinho?”, eram muito comuns.
Além da multa, o juiz José Saba Filho, da Vara do Trabalho do Rio, passou um sermão no chefe dizendo que “o empregador não pode ofender nem macular a imagem de seus empregados”.
Fonte:CenaG

Postagens mais visitadas deste blog

Lista de pessoas selecionadas atualizadas

No dia do Rock veja a lista dos roqueiros que assumiram sua HOMOSsexualidade

Edital de Seleção de Participante I Seminário Nacional de Jovens Lideranças para o Controle Social do SUS no âmbito do HIV/Aids