Gay é marcado a ferro quente em ataque homofóbico



Caso aconteceu na Carolina do Norte.
O estudante Freshman Quinn Matney, da Universidade da Carolina do Norte, foi marcado a ferro quente em um ataque homofóbico.
Assustado, ele contou à imprensa local que estava cruzando uma passarela perto do prédio dele quando um homem agarrou seu pulso e colocou o ferro quente ao mesmo tempo que o ofendia com palavras homofóbicas.
"Alguém agarrou meu pulso e pressionou um pedaço de metal quente nele. Ele disse: ´aqui está o gosto do inferno para você bicha`" contou Matney em entrevista para a NBC17.
A vítima contou ainda que tentou olhar na cara do agressor, mas ele saiu rápido.
O estudante sofreu queimadores de terceiro e quarto grau no músculo do tendão. Segundo os médicos, ele talvez tenha sofrida destruição do nervo.
Não ficou claro qual foi o objeto usado para agredir o aluno
.
Fonte:Todaformadamor

Postagens mais visitadas deste blog

No dia do Rock veja a lista dos roqueiros que assumiram sua HOMOSsexualidade

Lista de pessoas selecionadas atualizadas

Sauna Soho inova na programação e conquista mais frequentadores